SIC disponibiliza cartilhas com o passo a passo de acesso aos recursos emergenciais para micro e pequenos empresários

 

    O acesso aos recursos liberados pelo Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Indústria, Comércio e Serviços (SIC) e GoiásFomento e do Banco do Brasil (FCO), ao pequeno e médio empresário, no valor de R$ 500 milhões, está disponível deste 23/03. A adesão às linhas de crédito disponibilizadas necessita do cumprimento de procedimentos oficiais exigidos para a efetivação do financiamento. Para facilitar esse ingresso e eliminar dúvidas foram produzidas cartilhas explicativas, detalhadas, que abordam questões diversas no modelo perguntas e respostas.

    São duas cartilhas: “Linhas de Crédito Emergenciais para o Empreendedor”, que abrange os diversos programas de financiamentos em vigência no Governo de Goiás e a cartilha denominada “Goiás Empreendedor”, em atendimento ao programa Goiás Empreendedor (Banco do Povo), que atende a linha Microcrédito. As informações do seu conteúdo estão todas disponíveis nas cartilhas e são essenciais para acesso às linhas ofertadas neste momento ímpar de enfrentamento aos problemas advindos da contaminação por coronavírus (COVID-19).

CARTILHAS


    A cartilha “Linhas de Crédito Emergenciais para o Empreendedor”, além de ter informações na forma de respostas a dúvidas frequentes do setor empresarial, abordando garantias, formas de pagamento, prazos de carências e orientações de como preencher formulários, apresentar documentos necessários e proceder ao envio dos mesmos, contém telefones e e-mails do Sebrae e da GoiásFomento, com o respectivo horário de atendimento. Ressaltando que o repasse, do formulário preenchido e a referida documentação, está sendo realizado tão somente via e-mails.

    Já a cartilha ”Goiás Empreendedor”, que apresenta propostas de microcrédito com dois valores distintos, de até R$ 21 mil e até R$ 10 mil, os esclarecimentos são detalhados em forma de tópicos explicativos, com destaque para questões importantes e essenciais à oficialização da linha de crédito solicitada. Os itens abordam a abertura e a ampliação dos créditos, com ênfase nas exigências, procedimentos, requisitos necessários, documentação, numa visão minuciosa de acesso aos recursos apresentados pelo Governo de Goiás.

    A ação emergencial autorizada pelo governador Ronaldo Caiado, na missão de dar suporte financeiro aos negócios empresariais, neste tempo de pandemia, vem sendo amplamente difundida e efetivada pela SIC. As linhas de crédito estão disponíveis também para os microempreendedores individuais (MEI) e microempresas. “Reconhecemos a importância de reduzir o impacto do isolamento social na economia, daí a liberação de meio milhão de reais. Os reflexos serão inevitáveis, mas podemos tentar”, destaca Wilder Morais, titular da SIC

CONSULTORIA


    Diante da grande demanda por recursos e a necessidade de planejamento financeiro para conduzir os negócios neste tempo de adversidade a GoiásFomento conta com a parceria do Sebrae para fornecer informações técnico-comerciais necessárias que auxiliem nas decisões de manter a empresa no mercado. “Trabalhamos diuturnamente para atender as centenas de solicitações. Temos esperança que vamos enfrentar com sucesso esta crise. E com o apoio do Sebrae, com sua consultoria, subsidiaremos os micros e pequenos empresários a obter os recursos, com conhecimento amplo de sua atividade comercial, na aquisição e venda de seus produtos e no gerenciamento de funcionários e folha de pagamento”, explica Rivael Aguiar, presidente da GoiásFomento.